Notícia

Prémios 2022 do Novo Bauhaus Europeu: projeto português entre os 18 vencedores

Os prémios celebram novas soluções que servem de inspiração às transformações que o Novo Bauhaus Europeu visa introduzir a nível do nosso quotidiano, dos nossos espaços de vida e das nossas experiências. Foram atribuídos quatro prémios a quatro categorias de projetos, cada uma das quais quais inclui prémios para projetos já concluídos e prémios «Rising Stars» (Estrelas Ascendentes) , que são concedidos a jovens talentos com 30 anos de idade ou mais novos. Os vencedores da categoria «Reconnecting with nature» (Restabelecer a ligação com a natureza) são originários da Espanha, França, Alemanha e Polónia.Os prémios «Regaining a sense of belonging» (Recuperar um sentimento de pertença) foram atribuídos a projetos da Áustria, Lituânia, Polónia e Chéquia.Os melhores projetos no âmbito do programa «Prioritising the places and people that need it the most» (Dar prioridade aos locais e às pessoas mais necessitadas)  foram apresentados pela Bélgica,  Grécia, Itália e Hungria.No que respeita à quarta categoria, «Shaping a circular industrial ecosystem and supporting life-cycle thinking» (Desenvolver um ecossistema industrial circular e apoiar o conceito de ciclo de vida), os prémios foram atribuídos a Portugal, à Roménia, à Finlândia e à Itália.Cada um dos vencedores receberá um prémio em dinheiro e terá a possibilidade de integrar uma parceria para os meios de comunicação social criada pela Comissão que abrange atividades de comunicação específicas. Para mais informações, consultar informações completas sobre os vencedores, os 52 finalistas e perguntas e respostas sobre os prémios.

Partilhar:
Voltar